Ação educativa orienta crianças a como se portar de forma correta e segura com tecnologias

Ação educativa orienta crianças a como se portar de forma correta e segura com tecnologias

O sobe e desce dos elevadores e o vai e vem das escadas rolantes, muitas vezes, viram brincadeiras para a garotada. É comum a criança que mora em condomínio passear sozinha de elevador, apertar botões de vários andares ou segurar a porta para o coleguinha entrar. Em outros locais, como nos shopping centers, por exemplo, a escada rolante é o objeto de desejo da garotada que se arrisca em manobras perigosas como descer em sentido contrário ou sentar nos degraus.

Apesar de parecer pura diversão, brincar no elevador ou na escada rolante não é uma atitude segura para as crianças. Por isso, é importante aprender o que é certo e errado desde pequeno.

Para orientar as crianças e conscientizar os pais sobre como usar corretamente e com segurança os elevadores, as escadas e as esteiras rolantes, uma empresa fabricante e prestadora de serviços de manutenção, realiza em outubro, mês das crianças, a ação sócio-educativa Faça a Coisa Certa.

Em sua 5ª edição, a campanha tem por objetivo informar a população, principalmente os pais, sobre este importante assunto, ajudando na prevenção de incidentes. Este ano, a ação acontecerá no dia 06 de outubro, em parceria com 17 shoppings em 14 cidades de nove Estados: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Ceará e Amazonas. (veja abaixo relação completa)

Na ocasião, as crianças vão receber um kit, contendo o gibi “As aventuras do SUPER ZERO & Zug”, que traz em linguagem didática várias situações do dia a dia e como devem agir. Uma versão digital do gibi poderá ser encontrada no site da empresa (www.thyssenkruppelevadores.com.br). Outros materiais foram desenvolvidos para a garotada aprender brincando a qualquer hora e lugar: o jogo on-line “Faça a coisa certa” que também estará disponível no site da empresa e um vídeo que ensina a usar corretamente o elevador e poderá ser visto no YouTube (www.youtube.com/SeuElevador).

Faça a coisa certa

Em algumas cidades do País, leis municipais proíbem as crianças menores de 10 anos de usarem o elevador sem a presença de um adulto, ampliando a segurança dos pequenos. Já, no caso das escadas e esteiras rolantes, a Norma Brasileira (NBR NM 195/1999), determina o uso de avisos de alerta nos locais onde os equipamentos serão instalados para chamar a atenção dos pais. Não há dados específicos sobre o número de crianças envolvidas em ocorrências registradas pelo Corpo de Bombeiros com elevadores, mas a prevenção continua sendo o melhor caminho. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 90% das 830 mil mortes de crianças/ano que ocorrem no mundo por causa de acidentes, poderiam ser evitadas, por meio da adoção de comportamentos seguros.

“A ação preventiva está na base da nossa atuação como prestadora de serviço de manutenção em elevadores. Esta mesma filosofia queremos levar aos pais e às crianças, por meio desta ação. A conscientização da população sobre a importância de um ato seguro é nosso objetivo”, atesta Sérgio Martins Cardoso, Vice-presidente de Serviços da ThyssenKrupp Elevadores.

Deixe uma resposta

Fechar Menu